Blog - RPPN pode gerar receita?

Você sabia que a RPPN pode gerar receita com o Ecoturismo? 

O objetivo da Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) é a conservação da biodiversidade, mas algumas atividades são permitidas na reserva, entre elas, o turismo sustentável.

Quando o assunto é o ecoturismo, é possível enumerar várias RPPNs cases de sucesso no Brasil. O diferencial dessas reservas é a gestão eficiente da área e dos recursos naturais.

Um destes exemplos é a RPPN Buraco das Araras, em Jardim, no Mato Grosso do Sul. A reserva, que possui 29 hectares na Fazenda Alegria, foi criada em 2007 pelo senhor Modesto Sampaio e é uma referência não só no estado, mas em todo o Brasil como atrativo para a prática de observação de aves (birdwatching) e contemplação, que atrai fotógrafos e observadores de aves do Brasil e do exterior, além de visitantes e estudantes.

O "buracão" na propriedade que antes não tinha finalidade na fazenda de pecuária, hoje é um verdadeiro santuário de araras e é representativa do bioma Cerrado com vegetação formada por espécies como o angico-preto, sucupira-preta, pequi, araticum, entre outras.

Dez anos após a compra da propriedade, Modesto deixou de lado a pecuária, investiu no reflorestamento da fazenda e passou a viver do turismo sustentável.

A sua RPPN também pode gerar receita com o ecoturismo. Veja o exemplo do Buraco das Araras.